A Entidade Regional do Turismo Centro de Portugal reuniu-se em Assembleia Geral, numa sessão ordinária que decorreu no Edifício Pirâmide, em Abrantes. Os trabalhos foram conduzidos pela presidente da Câmara Municipal local, Maria do Céu Albuquerque.

A Assembleia Geral abriu as portas a várias apresentações, no período antes da ordem do dia. Foram feitas, nomeadamente, apresentações sobre o ponto de situação do Observatório Centro de Portugal, a cargo de Francisco Dias, do Instituto Politécnico de Leiria; dos Roteiros de Turismo Acessível, por Luís Rodrigues, da Associação Salvador, e Ana Rita Ramos, da Have a Nice Day; e da proposta final do Roteiro “Cycling & Walking”, por Rui Tomás Marques, da Blue Earth.

De seguida, foram apresentados pela assembleia todos os pontos da ordem de trabalhos, relacionados com o Plano de Atividades, o Orçamento, o Mapa de Pessoal e o Mapa de Encargos Plurianuais para 2019, os quais foram aprovados por unanimidade.

A sessão terminou com uma intervenção de Pedro Machado, presidente do Turismo Centro de Portugal, que apresentou os principais princípios norteadores para 2019, nos quais se destacam a revisão do plano de marketing, o projeto Lugares Património da Humanidade no Centro de Portugal, os Produtos Turísticos Integrados, as redes colaborativas, a requalificação dos espaços da Turismo Centro de Portugal e a aposta na qualificação dos recursos humanos entre outros. Pedro Machado terminou a sua intervenção,apresentando as sete principais linhas de intervenção da entidade para 2019.