A convite do Turismo Centro de Portugal, um grupo de jornalistas visitou os 4 Lugares Património Mundial do Centro: a Universidade de Coimbra, Alta e Sofia, o Convento de Cristo, em Tomar, os Mosteiros da Batalha e de Alcobaça.

Com dicas sobre como viajar em tempos de pandemia, os repórteres da TVI, Paulo Bastos e João Franco guiam-nos numa viagem fabulosa!

Começamos em Coimbra onde nos contam os segredos da cidade dos estudantes e do amor proibido de D. Pedro e D. Inês. Falam-nos da Universidade de Coimbra, Alta e Sofia, da Igreja de Santa Cruz, do Mosteiro de Santa-Clara-a-Velha, entre outros emblemáticos locais da cidade.
No Café Santa Cruz, houve tempo para degustar o “Crúzio”. Com raízes monásticas, este doce intelectualmente valioso, fez as delícias de todos.

Ora veja AQUI!

Em Tomar, lugar carregado de simbolismo e misticismo, a TVI dá-nos a conhecer melhor alguns dos locais mais fantásticos da cidade, como o Convento de Cristo, o Castelo, o Centro Histórico, a Igreja de São João Batista, a Sinagoga, o Complexo da Levada e Casa dos Cubos.

E não só!

O último dia começou da melhor forma, com um passeio pela Pia do Urso, pequena aldeia serrana recuperada no concelho da Batalha. Nessa manhã, visitámos também o Mosteiro de Santa Maria da Vitória, na Batalha e todos fomos surpreendidos por uma inesquecível subida aos terraços deste magnífico monumento, guiada por Joaquim Ruivo, Diretor do Mosteiro.

Seguiram-se as visitas ao Museu da Comunidade Concelhia da Batalha, ao Mosteiro de Alcobaça, ao Museu do Vinho e ao Mosteiro de Santa Maria de Coz.

Impossível não referenciar uma paragem obrigatória para admirar a fabulosa Chita de Alcobaça e ainda mencionar uma merecida pausa para provar os doces conventuais no espaço Cozart. Aqui, frente ao Mosteiro de Coz, podemos ver trabalhar o junco ao vivo e adquirir uma notável peça de cestaria, deliciar-nos com um maravilhoso Pão de Ló de Alfeizerão, sumos ou frutas de Alcobaça.

Nada melhor do que ver e ouvir o que o Paulo Bastos tem para nos dizer sobre estas fabulosas paragens!