A Associação Empresarial Ourém-Fátima (ACISO) e o Instituto Politécnico de Leiria (IPL) assinaram esta quarta-feira, 19 de maio, em Leiria, um acordo específico de cooperação que reforça a colaboração já estabelecida entre as duas entidades no âmbito do Workshop Internacional de Turismo Religioso (IWRT), este ano na 9.ª edição, excecionalmente em formato online, anunciado para 24 e 25 de junho.

Na prática, e porque o Workshop Internacional integra, além do momento protocolar de abertura e conferência, a organização de uma bolsa de contactos digital que se estrutura em reuniões pré-marcadas de 15 minutos segundo escolhas feitas pelos hosted buyers (compradores) suppliers (fornecedores), a ACISO está a desenvolver no site do evento uma ferramenta para a escolha ordenada das preferências das contrapartes, comprometendo-se o Politécnico de Leiria a organizar o algoritmo de suporte ao agendamento das reuniões, com vista a otimizar as escolhas desses participantes. O desafio prende-se esta edição com o facto de o evento ser online, com a necessidade de juntar para as reuniões de negócios pessoas e entidades em fusos horários diferentes.

Com as inscrições a decorrer tanto para a sessão de abertura/conferência como para os contactos de negócios, até ao momento estão inscritos para esta edição mais de 100 hosted buyers e 70 suppliers, de 40 países. Pode inscrever-se aqui.

A assinatura do acordo foi um ato simbólico, uma vez que as duas entidades já estão a trabalhar para esta nona edição há algum tempo. Rui Pedrosa, presidente do IPL, firmou o acordo em representação do Politécnico. Purificação Reis e Eunice Reis, presidente e vice-presidente, respetivamente, em nome da ACISO.

Rui Pedrosa começou por endereçar a “disponibilidade e solidariedade” do IPL para com os empresários associados da ACISO, que “terão passado seguramente um ano e meio complexo, difícil, bastante desafiante, porque os contextos da pandemia mudaram o panorama global da mobilidade, com implicações nas estruturas suportadas, no caso, pelo turismo religioso”. Sobre o acordo estabelecido, o presidente afirmou a sua satisfação por o IPL “reforçar a modalidade de cooperação com a ACISO” e elogiou a associação empresarial por, neste contexto atual, “continuar a sua atividade, proatividade, e pelo esforço para manter estas atividades”. “Demostra que estamos ao serviço da sociedade e queremos ajudar os nossos parceiros – a ACISO é um parceiro importante e com muito gosto assinamos este protocolo”.

Em nome da ACISO, Purificação Reis deixou o agradecimento ao IPL, sublinhou a colaboração mútua entre as duas entidades, e “a excecionalidade da edição deste ano, por, ao contrário do inicialmente previsto e desejado, se ir realizar online, com a variável adicional dos fusos horários como novo desafio colocado ao IPL”.  “Com o IPL temos o histórico desta disponibilidade, desta abertura, desta participação e ligação às empresas no desenvolvimento de projetos e a própria tradição de relacionamento com a ACISO, que da nossa parte agradecemos e não queremos perder de vista”, afirmou Purificação Reis.