26 OUTUBRO 2018
Equipa brasileira venceu primeira edição do ART&TUR Factory (com vídeo)

PRIMEIRA EDIÇÃO DO ART&TUR EM LEIRIA FOI UM GRANDE SUCESSO

 

A organização do ART & TUR – International Tourism Film Festival desafiou realizadores de todo o mundo a fazerem pequenos filmes no Centro de Portugal, nomeadamente nas Aldeias do Xisto ou nas Aldeias Históricas de Portugal. A qualidade das propostas apresentadas na iniciativa, intitulada ART&TUR Factory, excedeu todas as expetativas.

Este é o filme vencedor do desafio: de nome “Inside”, foi uma proposta da equipa brasileira composta por Marco Calábria, Bruno Calanca Nishino e Leandro Miranda, do Studio Eureka. A atriz é Mariana Castelo Branco.

Recorde-se que o ART&TUR Factory foi um desafio lançado a realizadores: em três dias, na semana que antecedeu o festival ART&TUR, teriam de gravar pequenos filmes promocionais da região Centro de Portugal, necessariamente passados em aldeias do Centro de Portugal integradas nas redes das Aldeias Históricas de Portugal e das Aldeias de Xisto. O filme escolhido pelo júri tem como cenários Piódão, Belmonte e Sortelha.

Dois outros filmes do ART&TUR Factory dividem o segundo lugar, com os mesmos pontos: a produção “Lost&Found”, da Índia, por Satyanarayana Dulam e Sandeep Dulam, filmada no Piódão (que pode ver aqui); e uma produção (sem título) da África do Sul e Irlanda, por Bruce Buttery e Tarryn Buttery, em Monsanto e Idanha (que pode ver aqui).

Filme da Catalunha é o grande vencedor do Festival ART&TUR 2018
O filme espanhol “The Route of Fate” (“A Rota do Destino”) é o grande vencedor da 11.ª edição do ART&TUR – Festival Internacional de Cinema de Turismo, que decorreu em Leiria de 23 a 27 de outubro. A cerimónia de entrega de prémios teve lugar esta sexta-feira, no Teatro Miguel Franco.
“The Route of Fate”, dirigido por Román Parrado e produzido por Francesc Olivares, é um filme que promove a região da Catalunha. Durante pouco mais de 4 minutos, somos levados aos melhores destinos catalães através de um diário de viagem, perdido por um cantor numa estação de comboio. O diário é encontrado por duas amigas, que decidem seguir os mesmos passos do músico. Pode ver o filme vencedor em https://goo.gl/xFCgVx .
Na competição nacional, destinada a filmes portugueses, triunfou “Love Story by PPS” (“História de Amor”), produção encomendada pelo gabinete de arquitetura PPS – Pilar Paiva de Sousa ao realizador Nuno Rocha. Em menos de 3 minutos, conta-se a história de dois estranhos, um homem e uma mulher, que fazem check-in num hotel romântico e que, a caminho dos quartos, chocam e trocam sem querer as chaves. Será que o encontro vai ter um final feliz? Pode ver o filme em https://goo.gl/hH4vYN .
Os filmes em competição foram avaliados por um júri internacional, composto por 22 elementos de 12 países, em três continentes, designadamente Portugal, Espanha, Índia, África do Sul, Alemanha, Brasil, Chile, Holanda, Irão, Letónia, Taiwan e Turquia. Os jurados distribuem-se de forma equilibrada pelas áreas do cinema e TV, do turismo e da comunicação.
Primeira edição do ART&TUR em Leiria foi um grande sucesso
Este ano foi a primeira vez que o Festival ART&TUR se realizou no Centro de Portugal. O Teatro Miguel Franco, em Leiria, foi o palco escolhido para um certame que constituiu um sucesso desde o primeiro dia. Jovens estudantes, profissionais da área do turismo e do cinema e público em geral encheram muitas vezes a sala, para assistirem aos melhores filmes de promoção turística e à conferência “Centro de Portugal no Cinema Mundial”, que decorreu em simultâneo. Os destinos propostos, provenientes de países de todo o mundo, eram tantos e tão estimulantes que chegou a ouvir-se, entre a assistência, a vontade de conhecer todos os países do mundo!
“Levar o ART&TUR para o Centro de Portugal foi, sem dúvida, uma aposta vencedora. O Festival está a crescer de ano para ano e Leiria mostrou ser o destino ideal para acolher o evento. É estimulante ver tantos jovens na plateia, ao lado de realizadores e produtores de todo o mundo. Destaco, em particular, a resposta dada pelos cineastas desafiados a participar no ART&TUR Factory: em poucos dias mostraram visões muitos diferentes das nossas aldeias, todas elas de grande qualidade. O balanço final do evento é claramente positivo e excede as expetativas da organização e, certamente, da assistência”, destacou Francisco Dias, diretor-geral do Festival ART&TUR.
Se achou este artigo interessante, partilhe-o.
Outras Notícias
7 NOVEMBRO 2017
Alteração ao Programa Valorizar
Foi publicado hoje o Despacho Normativo n.º 19/2017 que determina a Alteração ao Programa Valorizar....
31 JANEIRO 2018
Turismo aproxima Centro de Portugal das regiões espanholas
O Centro de Portugal e cinco regiões espanholas vão ser promovidos em 2018 como um destino comum em mercados e feiras de turismo internacionais...
31 JANEIRO 2018
Turismo no Centro de Portugal cresceu 20% em novembro
A atividade turística no Centro de Portugal registou um crescimento muito acima da média nacional em novembro de 2017...