O programa do 39º Festival Música em Leiria foi apresentado, no dia 19 de abril, no Teatro José Lúcio da Silva, com um recital de piano com Marta Menezes, marcando também a reabertura daquele espaço cultural.

A 39.ª edição do festival “Música em Leiria”, decorre ao longo do ano de 2021 em Leiria, Batalha, Marinha Grande, Porto de Mós e Pombal. Com um programa variado e que aposta na diversidade musical – clássica, jazz e contemporânea – o festival terá, à semelhança do ano anterior, a
responsabilidade da direção artística de António Vassalo Lourenço.

No dia 22 de abril, realiza-se o concerto de abertura com a Orquestra XXI que sobe ao palco do Teatro José Lúcio da Silva, reunindo os melhores jovens músicos portugueses, residentes no estrangeiro e a dar cartas além-fronteiras. À semelhança da edição anterior, devido às restrições provocadas pela pandemia covid-19, o festival de música mais antigo do País, a decorrer sem interrupções, vai realizar-se ao longo do ano.

Os concertos, na sua maioria, serão de entrada gratuita.

Em maio, estão agendados dois concertos, um com Desidério Lázaro, no saxofone e Daniel Bernardes, ao piano com a obra “Stillness in time”, é um álbum de canções, de estados de espírito, uma pausa no tempo que nunca pára, relatando as sensações vividas na quietude do lar em período de confinamento. O segundo espetáculo, terá como protagonistas o Quarteto Contratempus que trará a Leiria a ópera Cómica “Simplex”.

Em junho, a guitarra portuguesa de António Chainho e a flauta de Rão Kyao, promoverão o cruzamento de estilos musicais, como já vem sendo apanágio do evento. Este concerto fará a fusão entre a música popular portuguesa e o fado, e no qual não faltarão momentos de improviso e uma boa dose de experimentação. A figura incontornável da música do Século XX, Astor Piazzolla terá particular destaque nos concerto com a Orquestra Filarmonia das Beiras e com o quarteto Tango4Women, no ano em que se celebram os 100 anos do seu nascimento. A 18 junho, a Companhia Olga Roriz sob ao palco para apresentar o espetáculo “Autópsia”.

O Festival Música em Leiria regressará a partir de setembro com Ópera Locos, que trará a Leiria ópera e humor, espetáculo protagonizado por cinco cantores líricos, que interpretarão grandes sucessos da ópera fundidos com outros estilos musicais da forma mais original.

O festival “Música em Leiria”, organizado pelo Orfeão de Leiria Conservatório de Artes, que assinala este ano 75 anos de vida, encerrará com o espetáculo “El Retablo de Maese Pedro” , de Manuel de Falla, que conta uma passagem da célebre obra de Cervantes, Don Quixote, através de um espetáculo de Marionetas, numa co-produção do Música em Leiria, Cistermúsica” de Alcobaça e “Festivais de Outono”, da Universidade de Aveiro. Este espetáculo é apresentado por S.A Marionetas de Alcobaça e pela Orquestra Filarmonia das Beiras, numa parceria original e inédita.

Conheça todo o programa do evento aqui.