No próximo dia 10 de junho (quinta-feira), dia em que se comemora o “Dia de Portugal, de Camões e das Comunidades Portuguesas”, realiza-se às 21h00, em Gouveia, no “Anfiteatro da Cerca”, o concertoExpressões de uma Polifonia Popular Beirã – O instrumento e a partitura, com João Barradas & Quinteto de Cordas da Orquestra Sinfónica de Gouveia”, no âmbito do projeto CIMfonias BSE, associado à candidatura da Guarda Capital Europeia da Cultura 2027.

O concerto irá contar com uma primeira parte onde serão interpretados os temas “Hymn of Remembrance”, de Keith Jarrett (1945), “EN[I]GMA”, de Yann Robin (1974) – uma composição dedicada a João Barradas e encomendada pela Fundação Calouste Gulbenkian Lisboa, Philharmonie Luxembourg e Casa da Música Porto -, “Las Quatro Estaciones Porteñas”, de Astor Piazzolla (1921-1992) e ainda Otoño Porteño, Invierno Porteño, Verano Porteño, Primavera Porteña, pelo músico João Barradas (acordeão).

Na segunda parte, com “Expressões de uma Polifonia Popular Beirã, de Hélder Abreu e Túlio Augusto, que também irá contar com João Barradas no acordeão, o Quinteto de Cordas da Orquestra Sinfónica de Gouveia, os violinos de Cláudio Gama, Alexandra Silva, Inês Nunes; Sónia Torres no violoncelo e Dércio Fernandes no contrabaixo.

Irá decorrer no “Anfiteatro da Cerca”, recinto onde o Município de Gouveia interveio recentemente com o objetivo de preparar a atividade cultural do verão de 2021, atendendo às orientações da Direção Geral de Saúde de prevenção da transmissão da COVID-19 em equipamentos culturais, que privilegiam o recurso a espaços arejados ou recintos ao ar livre.

“Expressões de uma Polifonia Popular Beirã – O Instrumento e a Partitura“ realiza-se no âmbito do projeto CIMfonia, associado à candidatura da Guarda 2027 – Capital  Europeia da Cultura.

O projeto CIMfonia resulta do compromisso de 18 (dezoito) parceiros – a CIMBSE, os 15 Municípios da região das Beiras e Serra da Estrela e os Municípios de Vila Nova de Foz Côa e de Aguiar da Beira.