Há 700 anos eram instituídas as Festas do Divino Espírito Santo em Alenquer por iniciativa da Rainha Santa Isabel e do Rei D. Dinis.
Hoje como em 1321 a missa solene de Páscoa marca o início das festas que se prolongam por 7 semanas até domingo de Pentecostes.
Uma história secular de fé e devoção, sob o signo do amor universal que de Alenquer partiu para muitas outras localidades de Portugal e do mundo.
Num ano marcado por uma epidemia sem precedentes na nossa história recente, não quis o município de Alenquer deixar de assinalar esta data histórica com um conjunto de iniciativas em conjunto com as paróquias, Misericórdias e freguesias do concelho.
O descerramento de um monumento evocativo dos 700 anos das Festas Espírito Santo, uma homenagem póstuma ao pároco José Eduardo Martins, conferências, exposições e concertos são outros dos eventos que este ano vão prolongar as festas até outubro.
Hoje como há 700 anos, o “Espírito Sopra onde quer” em terras de Alenquer

Ver programa 2021 AQUI