É bem conhecida a aldeia histórica do Piódão, com as casas de xisto de tonalidades castanhas onde o sol projecta reflexos dourados, deixando uma marca de humanização na encosta. A igreja, de branco, distingue-se no meio do casario.
Em redor, as montanhas enchem-se de verde até perder de vista.
Segundo a lenda, foi aqui que se refugiou um dos algozes de Dona Inês de Castro, numa tentativa de fugir à ira do rei D. Pedro.
No Núcleo Museológico do Piódão encontrará um espaço que retrata não só as formas de vida das gentes desta aldeia histórica, mas também a forma como são vistas por aqueles que tiveram o privilégio de a visitar.

 

Saiba mais sobre esta aldeia.