Fazia parte do sistema defensivo da Costa, datando provavelmente do reinado de D. João I. Existem igualmente referências a obras promovidas por D. Pedro, Duque de Coimbra, e mais tarde, no reinado de D. João III, ter-se-ão realizado novas obras.

A Fortaleza de Buarcos foi numerosas vezes atacada, nomeadamente por piratas Holandeses, Ingleses e Argelinos. No início do século XVII terá sofrido um poderoso ataque de Ingleses que destruíram muitos dos edifícios de Buarcos o que marcou irremediavelmente o seu perfil histórico. A Fortaleza sofreu uma grande reconstrução durante o domínio Filipino e posteriormente nos séculos XVIII e XX.