O monte onde se situa o Castro, chamado “Serra do Castelo”, está sobranceiro à povoação da Columbeira.

Trata-se de um importante povoado da Idade do Cobre com cerca de 4.000 anos. Tem duas cinturas de muralhas reforçadas com torres. A fortificação central, de formato quadrangular, apresenta torres circulares, bastiões semicirculares e uma entrada virada para sudeste.
Os materiais encontrados, que permitem integrar este povoado na Idade do Cobre inicial, constam vasos cerâmicos, alguns decorados, pontas de seta e lâminas em sílex, machados de pedra polida, utensílios em osso e pesos de tear. Os seus habitantes desenvolviam atividades agrícolas e pastorícias