Mandada edificar por D. Manuel I, foi concluída em 1490, como podemos confirmar numa das lápides existentes, no interior da igreja.

Destacam-se, no seu interior, as esculturas da Nossa Senhora de Finisterra (1508) e de São Tiago, oferecida por D. Manuel I em 1409 e a Capela do Sacramento (séc. XVI), onde podemos observar um retábulo em pedra de Ançã,  Renascentista, saído da oficina de João de Ruão.No corpo da igreja, um conjunto de pinturas maneiristas, representando temas e personagens bíblicos, executadas pelo pintor Belchior da Fonseca, datado do séc. XVII.

Horário: 9h00-16h30
Igreja aberta ao culto religioso.