A Mata do Bombarral é um bosque mediterrânico com cerca de quatro hectares, que foi considerado Área de Interesse Público em 1941. Este pulmão verde chegou aos dias de hoje conservando vegetação com vários séculos. É o caso da gilbardeira, uma espécie em vias de extinção, aroeira, zambujeiro ou de sobreiros com mais de 20 metros de altura.
Algumas espécies estão representadas por exemplares com dimensões absolutamente notáveis. Antiga coutada ali existente, pelo menos desde o século XV, esta mata foi cenário das caçadas da corte que ali se deslocava com esse intuito. Aqui poderemos encontrar estátuas e azulejos da época.