Santuário de Peregrinação (séc. XVIII-XIX), com escadório de granito decorado por pináculos e dividido em lanços entre os quais surgem quatro capelas (dedicadas respectivamente à Sra. da Conceição, à Sra. da Encarnação, à Sra. da Visitação e à Sra. da Assunção) decoradas de azulejos rococó que narram os passos mais significativos da Vida da Virgem, terminando na sua glorificação no interior da ermida. Da igreja, de linhas graciosas mas simples, destaca-se a torre ameada, altíssima, elevada a prumo sobre a fachada principal.