Fundado em 1881 marca, desde sempre, a vida cultural de Aveiro.
Edifício com fachada modernista da década de 40 do séc. XX foi alvo de intervenção contemporânea, em 2003, pelo Arq. João Carreira.