Continuamos a rumar a Sul e chegamos à Praia da Vagueira, em Vagos. Uma praia, à semelhança das suas vizinhas, fantástica para o Surf e para os desportos que envolvam ondas. As praias da região são, recorrentemente, palco de algumas das maiores competições de modalidades náuticas, nomeadamente Surf e Bodyboard. Não é por acaso que as ondas da Praia da Vagueira foram – e são – a primeira casa do tricampeão nacional de bodysurf, Miguel Rocha.

Mas nem só de desportos náuticos vive o mar da Vagueira. Este é, afinal, um mar cheio de estórias, contadas na primeira pessoa pelos pescadores que diariamente se fazem ao mar. A Arte Xávega é, ainda hoje, celebrada como a tradicional arte de pesca que anima o areal da Praia de Vagueira, podendo ser encontrada em praias um pouco por toda a região de Aveiro, mas também de Coimbra, de Leiria e do Oeste. Apesar da introdução de algumas inovações, a tradição essencial permanece e, por isso, não deixe de assistir à partida ou à chegada dos barcos e dos pescadores. É sempre um ritual digno de experienciar (e de registar fotograficamente) e uma ótima aposta para apreciar o peixe fresco, o sol e o mar. No entanto, este acontecimento poderá variar consoante as condições do mar e do tempo. O conselho que podemos dar é que esteja atento enquanto aproveita as ondas e os banhos de sol.